LIBERDADE AQUI!

Um Espaço de Liberdade de Expressão

ENEM bate recorde (e a velha mídia esperneia)

Posted by Liberdade Aqui! em 12/06/2011

Do Conversa Afiada

Record do ENEM
é o fracasso do Cerra e do Di Jenio

Saiu na Folha: Enem tem adesão recorde com 6,2 milhões de inscritos.

A esta altura do domingo, uma legião de repórteres dito investigativos do PiG (*) deve estar na rua com a missão de detonar o ENEM recordista.

Vale a pena recordar que, quando uma prova do ENEM “vazou” da gráfica da Folha (**), “governava” São Paulo o Padim Pade Cerra.

A primeira coisa que ele fez foi retirar as universidades dele do âmbito do ENEM.

Com a rapidez com que mandou trancar as portas das escolas públicas, quando a Globo anunciou que o Brasil seria arrasado pela gripe suína.

Cerra com o PiG é assim: vapt-vupt.

Esta ansioso blog já disse que o ENEM é a banda larga para a entrada do pobre na Universidade.

Como o Pro-Uni.

E  o que mais apavora a elite branca (que em São Paulo é separatista desde o Partido Republicano Paulista) é ver o filho do pobre estudar.

A lamentável comprovação disso foi o violento artigo do Cerra no Globo, que tornou equivalentes o Bolsa Família e o resíduo sólido.

O Bolsa Família que a ONU e o Banco Mundial elogiam porque a mãe só recebe o benefício se o filho for à escola.

O ENEM teve outro efeito salutar: matou a indústria do cursinho.

Onde imperava o Di Jenio.

Breve este Conversa Afiada terá o raro prazer de divulgar a decisão judicial que absolveu este ansioso blogueiro numa ação que o Di Jenio contra ele moveu.

(Deve ser a 38ª.

Preciso checar com meus advogados, que cuidam dessa área “Diz-me quem te processa e dir-te-ei quem és.)

Di Jenio era mais amigo do Antonio Carlos Magalhães do que do Cerra – é verdade.

Mas, foi ele um espírito santo de orelha da política de privatização da educação que prevaleceu no Governo cinzento do Cerra/FHC.

Enquanto isso, o Nunca Dantes, metalúrgico nordestino que nao sabe falar inglês fundou 14 universidades federais.

Como diz o Mino Carta, a Casa Grande fica aflita quando a Senzala aprende a ler.

Não, nao somos racistas !

Paulo Henrique Amorim

(*) Em nenhuma democracia séria do mundo, jornais conservadores, de baixa qualidade técnica e até sensacionalistas, e uma única rede de televisão têm a importância que têm no Brasil. Eles se transformaram num partido político – o PiG, Partido da Imprensa Golpista.

(**) Folha é um jornal que não se deve deixar a avó ler, porque publica palavrões. Além disso, Folha é aquele jornal que entrevista Daniel Dantas DEPOIS de condenado e pergunta o que ele achou da investigação; da “ditabranda”; da ficha falsa da Dilma; que veste FHC com o manto de “bom caráter”, porque, depois de 18 anos, reconheceu um filho; que matou o Tuma e depois o ressuscitou; e que é o que é,  porque o dono é o que é; nos anos militares, a Folha emprestava carros de reportagem aos torturadores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: